Pesquisar este blog

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Escolhas e Consequências


 A vida é feita de escolhas, parece até slogan da Claro né, mas é a mais simples e pura verdade, tudo que somos e para onde iremos gira em torno das escolhas que fazemos todos os dias. Desde as mais simples como dar um sorriso, até as mais complicadas como que profissão seguir, as escolhas moldam a vida que vivemos. É muito fácil julgar quem não escolhe certo, ou do jeito que se julga ser correto sem estar na pele da pessoa que está com a dúvida em toda sua crueldade martelando sobre sua cabeça. Ok, não escolher, pode ser muito mais prejudicial do que fazer uma escolha errada, ser conivente por medo de errar torna sim as pessoas mais fracas mas quando se te a consciência de que as escolhas que iremos fazer podem ter resultados desastrosos fica muito difícil tomar a tão necessária decisão.

 Há como eu disse os que sofrem por não escolherem, muitos se privam por exemplo de se graduarem por ter medo de tomar a decisão errada, quando só conhecemos a força do monstro que nos assombra se escolhemos enfrentá-lo. O que escolher, como escolher, quais as consequências de cada escolha que fazemos em nossa vida são questões que geralmente levantamos antes de grandes mudanças, temos medo, ficamos aflitos ao saber que um passo muito importante precisa ser dado, questões essas que ganham maior dimensão quando precisamos escolher entre o certo e o certo, escolher entre o certo e o errado é muito óbvio, é preciso gostar muito de sofrer para enxergar a opção correta e preferir ficar estagnado na velha opção errada, ficar em dúvida entre duas opções corretas é o que mais assola os indecisos, muitas vezes podemos nos estrepar, claro pois afinal de contas, sempre existe uma saída que no fim trará melhores resultados, pior do que se estrepar, é escolher sabendo da possibilidade de fazer alguém sofrer com uma decisão que as vezes depende apenas de você.

 As pessoas boas que nos cercam algumas vezes, não têm culpá das nossas indecisões ou frustrações e também podem estar cada vez mais distantes dos nossos projetos de vida. Mudar pode vir com muitas lágrimas, mágoas, raiva entre outras marcas negativas, mas a mudança por si só é essencial para que alcancemos nossos objetivos e nos tornemos pessoas melhores, independente do furacão que pode representar na nossa vida e na vida de pessoas que nos cercam, e para mudar escolha sempre, mas escolha sem medo!

Escolhas na Vida – pensamentos Martin L. King


“Eu digo a vocês, esta manhã, que se você nunca encontrou algo tão caro e tão precioso que você morreria por isso, então você não está preparado para viver. Digamos que você possa ter 38 anos de idade, como eu.

Eis que, um dia, alguma grande oportunidade surge diante de você, e te convida a ficar de pé por algum grande princípio, alguma grande questão, alguma grande causa. E você se recusa a fazê-lo porque você está com medo. Você se recusa a fazê-lo porque você quer viver mais. Você está com medo de que você vai perder seu emprego, ou você tem medo de que você vai ser criticado ou que você vai perder sua popularidade, ou você está com medo de que alguém vai te esfaquear ou atirar em você ou jogar uma bomba em sua casa. Então você se recusa a assumir o posto.
Bem, você pode ir e viver até que você esteja com noventa anos, mas você está tão morto aos trinta e oito como você estará aos noventa.
É a cessação da respiração em sua vida.
É apenas o anúncio tardio de uma morte precoce do espírito. Morreste quando você se recusou a levantar-se para a direita. Você morreu quando você se recusou a levantar-se para a verdade. Morreste quando você se recusou a lutar pela justiça … “


- MLK Jr 1967

Fonte: http://atamamoriya.wordpress.com/2011/01/03/escolhas-na-vida-pensamentos-martin-l-king/

Um comentário:

Amanda Lemos disse...

Muito interessante o blog !
Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir...;

www.bolgdoano.blogspot.com

Muito Obrigada, desde já !